terça-feira, 25 de janeiro de 2011


Blogando e Consumindo

8
we've moved your favourite brands...

 Ultimamente tenho ouvido muitas meninas que me falam que se tornaram mais consumistas depois que começaram a frequentar alguns blogs.

  Em um dos casos(mais extremos) que ouvi, a pessoa começou a se endividar mesmo e perder totalmente o controle dos gastos no cartão de crédito.
Consumerism Sucks

  Enquanto escrevia sobre isso, percebi que o texto poderá ser percebido como "político", pois não faço uma crítica e nem uma caça às bruxas. Talvez porque eu entenda tanto o lado das blogueiras quanto das leitoras.

 Deixe-me explicar melhor ?

 Acontece muito de ler em alguns blogs que tal item é "must have" ou que a bolsa X a gente TEM QUE TER. Acho que eu mesmo devo ter usado algumas dessas expressões aqui no blog.
 Olhando pelo lado das blogueiras que estão trabalhando em postagens frequentes e precisam estar atualizadas, alguns jargões e expressões acabam sendo utilizadas mesmo.

  Isso não quer dizer que devam ser levadas a sério ou ao pé da letra.

  Quando eu leio, por exemplo, que um item é must have, já automaticamente filtro aquela informação e traduzo assim: a tal peça será bastante usada durante a estação ou tal produto está fazendo bastante sucesso e, talvez seja interessante pesquisar mais sobre.

   Não dá pra culpar as blogueiras ou os blogs pelo descontrole financeiro de cada um. Afinal, as tentações estão por todas as partes e não só na internet.
  Talvez, antes de culpar blogs, seja melhor pensar nas prioridades que você tem: financeiras e emocionais. Isso inclui a tranquilidade de saber que suas contas serão todas pagas no final do mês.

  Aí eu penso nas meninas que desabafaram comigo e em mim também (porque meu nível de consumismo definitivamente aumentou de alguns anos pra cá) e, por isso resolvi vir aqui escrever para elas( e pra mim) e vou falar o óbvio (pra gente):
 Não existe essa história de que "tem que ter" alguma coisa X porque todo mundo comprou ou vai comprar.

 Só você conhece sua realidade e sabe o que é possível ter e o que não vai ser possível comprar mesmo.

 O que não quer dizer que você tenha que se privar de realizar seus desejos consumistas.
 Acredito piamente que a criatividade, aproxima as pessoas estilosas com muita grana e as estilosas " comuns".

Photobucket
  Lembro de uma reportagem que assisti uma vez com a Contanza Pascolato onde ela disse que viu algumas fotos de quando ela era mais nova com menos dinheiro e que percebeu que se vestia melhor. Isso porque ela era obrigada a procurar, garimpar mais e isso acabava deixando os looks dela muito mais interessantes.

  Eu admito que ainda sonho com algumas bolsas grifadas e algumas outras indulgências mas será muito melhor realizar um desejo desses sem angústias , pegar a peça e usar com alegria. E, principalmente, chegar em casa guardar o mimo, colocar a cabeça no travesseiro e dormir tranquila.

8 comentários:

disse...

Nossa... chegar ao ponto de se endividar é complicado, mas enfim né... cada um, cada um.
Eu confesso que passei a comprar mais depois que comecei a ler blogs, por isso que hoje em dia eu já leio alguma coisa com o "pé atrás", porq pra mim nao existe isso de que "tem que ter" ou tal coisa será must na proxima estação. Eu vejo se realmente a coisa presta, se combina, se vale a pena, e tem outra coisa, tem muitos blogs de beleza e etc em que as donas vivem disso, e isso acaba ficando muito chato, porque eu já não olho o mesmo blog com a cara de antes. A blogsfera da beleza tá muito "comercial" e por isso me desencantei com alguns blogs, mas claro que ainda os leio.

Adorei o post.

Bjos

Mariana Leles disse...

Meninas Parabéns pelo post!! Muito necessário!
Tb faço uma leitura muito crítica desse consumismo desenfreado, e apesar de podermos culpar os blog´s por tudo, temos que admitir que existem muitas meninas por ai que estão exagerando pra competir com as blogueiras mais abastadas financeiramente!!

Vamos com calma! =)

Beijos

Mariana Leles
Blog Adoro!
http://adorum.blogspot.com/

Léa Fortunato disse...

Parabéns pelo post!
Eu ao contrário, depois que fiz o meu blog e também um curso de consultoria de imagem fiquei bem mais experta ao comprar algo. Temos que ser realistas em relação aos produtos que vemos sendo ofertados à cada minuto pela publicidade e filtrarmos tudo de maneira coerente. Sou publicitária, então sou macaca velha nisso. Estilo não é ter a bolsa mais cara, o sapato de sola vermelha, o perfume e a maquiagem da moda. Estilo é saber usar o que você tem e comprar sim, mas o necessário e adequar as tendências ao seu guarda roupa.
bjo

Paperdolls disse...

Oi Rê,
Tá boa, guria?
Eu acho que você está certinha.
Tudo a gente tem que equilibrar mesmo.

Mariana,
Pois é...Cada um tem sua verba pra gastar e não dá pra querer competir com quem tem outra realidade financeira.

Paperdolls disse...

Léa,
Que legal que você consegue fazer isso e usa a inteligência na hora de consumir.
Beijo

Tati Canto disse...

Vc tem toda razão, florzinha...temos que ter nosso filtro pessoal e saber o que gostamos ou não e o que nos cai bem...além disso, cada um sabe das suas possibilidades e não é necessário se endividar para estar "na moda"!!!
Bjs, Tati
http://loveshoesblog.wordpress.com/
@loveshoesblog

Ana Paula Liam disse...

Legal, ver blogueiras de Gyn!Detalhe: Fui ao lançamento do Blog de vcs!Bjus

Nadima Chalup disse...

Amei esse post Lises, há tempos queria soltar algumas palavras assim. Parabéns!

Confesso que também ando me cansando de certas palavras repetidas nos blogs de moda.

É verdade que os blogs influenciam o consumo. Eu mesma, quando quero comprar algo, sempre busco a opinião de blogueiras antes. Mas culpar as blogueiras pelo próprio descontrole em relação as compras é no mínimo injusto!

bjos