quarta-feira, 9 de março de 2011


O blog ideal para seu tipo de pele

4
Como assim? Blog ideal pra seu tipo de pele?


Sim!
O objetivo de post e responder a pergunta: Como encontrar uma fonte de referência que seja o mais confiável possível pra você?

Acredito que esta discussão é relevante pois moramos em um país que não tem acesso a todos os produtos que gostaríamos de testar. Alguns deles são caros e pra comprar sem testar, é preciso muuuita pesquisa online.

 Como já disse aqui antes, quando vou comprar um produto mais carinho e não consigo testar antes, sempre recorro a blogs de meninas muito experientes e que tem e já testaram vários produtos.

 Por que?

 É aquela história: se a pessoa nunca experimentou uma base superior, como ela vai poder falar que a base X é a melhor que existe?

Fica difícil, não é?

Agora, se a pessoa já experimentou de Avon até Chanel e prefere a Avon, eu fico mais segura para escutar a dica.

 Outra coisa que vocês tem que considerar: se a pele da blogueira é perfeita, a tendência é ela falar que está "completamente apaixonada" por uma base que não é muito eficiente.

 Você tem que saber se a pele dela é seca, se tem poros dilatados, se tem manchinhas.

 Então, esta é a nossa primeira dica: encontre uma blogueira com uma pele parecida com a sua.

 Tendo dito isto, afirmo que a melhor maneira e mais segura de não se arrepender de uma compra é experimentando.
 Como nem sempre é possível , temos que desenvolver nossa rede de pesquisa confiável.

 Como?

O flickr é meu guia. Lá eu acabo conhecendo meninas que gostam de de cosméticos tanto quanto eu e falam abertamente sobre suas preferências e opiniões.
 Depois de 3 anos, já desenvolvi minha rede de pesquisa e confio na opinião de algumas meninas. Além do flickr, tem o twitter do Paper e alguns (poucos) blogs.

 Eu sempre cito a Christine do Temptalia porque as dicas dela quase sempre servem pra mim.

 Primeiro porque temos o mesmo tom, nossa pele é oleosa, com tendência a acne. E depois porque ela já testou de tudo e pode indicar com mais segurança diferentes marcas e tipos de base.

 Aqui fica a segunda dica, é imporante saber se a fonte de pesquisa já testou e experimentou vários produtos. Só assim, você pode "acreditar" que a base indicada é a melhor ou pior.

  A terceira dica reflete no maior propósito da web 2.0 que é pode interagir com o blogueiro.

  Se você confia e gosta de um blog, faça perguntas e tire suas dúvidas.

 Quarta dica: tenho certeza que você é uma pessoa sensata o suficiente pra reconhecer uma boa review.
 Repare se a pessoa está usando apenas opiniões pessoais ou se usa qualidades mensuráveis do produto.

 A última dica fica a seu critério querida(o) leitor. É assim: na dúvida, não compre.

 É isto mesmo, se após ler, pesquisar e perguntar, eu ainda não estou segura sobre o produto, prefiro nem comprar. Espero a próxima viagem,onde terei a chance de sentir na minha pele se vale a pena gastar meu suado dinheirinho ou não.

 Agora com vocês: quais são as fontes de pesquisa que vocês usam pra decidir se algo vale o investimento ou não? Já se arrependeram depois de ouvir alguma dica?
 Queremos saber!

4 comentários:

Anônimo disse...

Além do Flickr, eu recorro ao Specktra, mas ainda estou p/ achar alguém com o mesmo tipo de pele que o meu. P/ swatches, p/ mim a Karla Sugar acerta (quase) sempre, os da Temptalia ficam beeem diferentes (é o tom da pele que influencia).

Beijo!
S.

Paperdolls disse...

S,

A Karla Sugar é porreta mesmo.
Agora a Temptalia pra mim é incrível.Tudo que ela usa, fica bem na minha pele e eu posso comprar qualquer base no tom dela que acerto.
Agora, uma das pessoas que eu recorro no flickr é você.
Por exemplo, estou só esperando aquele elixir milagroso da Kiehl's chegar aqui.rs

vibestore disse...

ah sua pele e igual a minha (oleosa com tendecia a acne) haha eu nao onheço ningue d flickr tu me indica algumas

Paperdolls disse...

Vibestore,

Entra lá no flickr no Paper e pode pesquisar nos meus contatos.
O linkk é:
http://www.flickr.com/photos/paperdollsgyn